É provável que se você tiver mais do que 25 anos você nunca ouviu falar de Whindersson Nunes. Para quem não conhece Whindersson, assim como eu, que o conheci neste ano de 2016, ele é o maior Youtube do Brasil, com mais de 14 milhões de inscritos no seu canal, ultrapassando o famoso Porta dos Fundos.

Whindersson Nunes veio de uma família humilde, do interior do Piaui. Começou usando uma câmera emprestada de uma amiga, na qual ele andava 3 km para buscar, ia na lan house editar e postar, pois não tinha internet em casa e depois voltava no sol, calorzão, para casa da amiga para devolver a câmera.

15541885_1570261312991235_651821598339849955_n

Whindersson foi garçom, já passou fome, dormiu no chão, e seu pai tinha que escolher entre comprar um lanche para o filho ou por gasolina na moto para ir trabalhar. Ele se mudou para Teresina sem dinheiro, morou na casa de um amigo por 6 meses, para tentar ser alguém na vida, enquanto seus pais choravam de saudades.

Admiro imensamente seu trabalho, humor, vídeos, humildade, garra, determinação e o conteúdo que ele produz. Um humor sagaz, rápido, simples e singelo. Câmera básica, cenário simples e carisma sensacional. Chorei várias vezes com seus vídeos, tanto de tristeza como de alegria, orgulho e esperança.

01

 O que temos a aprender com Whindersson Nunes

A maioria das pessoas nos dias de hoje desiste, não antes de tentar, mas logo depois de começar. As pessoas, principalmente nossa geração Y, quer tudo muito rápido. Que as coisas aconteçam da noite pro dia. Querem ficar famosos, reconhecidos e ganhar muito dinheiro sem nem ao menos passar um ano, dois anos, fazendo aquilo. Demoramos 4 a 5 anos para se formar e aprender algo, porque demoraria menos para fazer sucesso?

Quantos projetos foram abandonados com menos de um ano de persistência? Ou prestes a dar certo? Eu escrevi no blog durante um ano, toda semana, sem ganhar nada. Sem ir atrás de dinheiro, anunciantes ou renda. Eu levei 2 anos para bater 100 mil acessos por mês. Minha vida no blog, é como o início de uma carreira, como se eu começasse do zero, como uma estagiária.

laguna-verde-bolivia-001

Como Eddie Cantor diz, levei 20 anos para fazer sucesso da noite pro dia.  Existe uma ansiedade enorme na nossa sociedade, onde tudo acontece e muda drasticamente. Tudo fica defasado, obsoleto e ultrapassado. Parece que não se pode mais perder tempo.

Whindersson Nunes passa para mim o sentimento mais maravilhoso do mundo: de esperança. Fé, de que por mais que as coisas sejam difíceis, a origem seja a mais humilde, que as pessoas nunca deixem de sonhar. Mas além de sonhar, tem que realizar. Correr atrás, persistir, não se vitimar, se dedicar e o principal, não desistir.

Não foi fácil o que ele fez. Não é gravar 10 vídeos e desistir. É gravar 100. É gravar durante 3 anos sem ganhar nada. Whindersson está onde está, não por acaso, mas porque ele não desistiu. Whindersson é exemplo de dedicação, trabalho árduo e determinação. Ele saiu de casa querendo ser alguém na vida e está conseguindo: ser alguém na vida dele e de muitas pessoas.

Eu não tenho sorte. Hoje estou onde estou, tenho o que tenho, porque eu não desisti e persisti. Somos todos iguais e temos o mesmo potencial. Coisas boas levam tempo. Credibilidade também. Nos falta paciência. Paciência para se dedicar. Para esperar algo dar certo. Para ser rico e bem sucedido.

Mas deixa eu te contar um segredo: depois de anos de estrada, qualquer um esbarra num momento de sorte. Você não esbarrou porque não tentou. Não deu nem tempo. Não desista. Tenta de novo. Vai que a sorte esbarra em você também.

laguna-colorada-bolivia

SOBRE MIM

Priscila Kamoi é formada em Administração e Marketing pela Baldwin Wallace University. Trabalhou durante 7 anos no mundo corporativo e após câncer, largou a carreira corporativa para ter uma vida com mais propósito, liberdade e felicidade. Viu o blog como uma forma de unir tudo o que ama: viajar, ler, escrever, fotografar, moda, comer, culturas e pessoas. Já teve seu olhar por 24 países até agora e possui mais de 60 roteiros de viagens.Viajante, empreendedora e nômade digital por opção SAIBA MAIS

Conheça:

Acompanhe o blog no Facebook  / Instagram / Youtube Blog Jornada Kamoi