Dicas e Curiosidades sobre África do Sul

1.Idioma: apesar de falarem 11 línguas oficiais no país, todos falam a sua língua nativa mais o inglês!

2.Visto: brasileiros não precisam de visto para entrar na África do Sul;

3.Clima: se observar o mapa, perceberá que a África do Sul fica na mesma linha que o Sul do Brasil, ou seja, as temperaturas são muito semelhantes;

africa do sul

4.Segurança: assim como nós, a África é um país com desigualdade social acentuada, infelizmente existe criminalidade. Acredito que seja suficiente ter os mesmos cuidados que já praticamos nas grandes cidades do Brasil.

5.Carteira de motorista: o site do consulado Africano informa que é necessário ter a Permissão Internacional para dirigir por lá. Nós levamos, mas a locadora de carro quis apenas tirar cópia da carteira de motorista brasileira;

6.Locação de carro: o país usa a mão inglesa, ou seja, se for alugar um carro vale à pena pagar uma taxinha extra para ter um automático. Ter que dirigir do lado contrário já é o bastante… Imagina ainda ter que trocar marcha com a mão esquerda?

7.Moeda: a moeda usada é o Rand. A Alexandra nos recomendou levar Dólar e trocar por Rand lá. Foi o que fizemos e, realmente, saiu mais barato que comprar Rand aqui no Brasil.

Booking.com

africa do sul - safari

8.Gorjetas: Em restaurantes, a gorjeta não é incluída na conta, mas é comum acrescentar 15% se o serviço lhe agradar.

9.Vinho: para quem adora um vinhozinho, a África do Sul é o lugar! Tomamos apenas vinhos deliciosos por um preço justíssimo.

10.Pessoas: em geral, as pessoas são muito simpáticas, receptivas e solícitas! Gostam de ajudar e sorriem bastante!

11.Mulheres: as africanas são bonitas e vaidosas! Especialmente as negras nos chamaram muita atenção… Lindíssimas e “mega-estilosas”!africa do sul - cape

12.Homens: eles são mais descarados para fazer elogios e comentários que os homens daqui… Algumas vezes isso pode ser desconfortável… Ou levantar sua auto-estima! Depende do ponto de vista!

13.Aparthaid: a marca cultural do Aparthaid ainda é muito visível e nos chamou muita atenção! Embora todas as pessoas, brancas e negras, trabalhem juntas e se respeitem, nos momentos de lazer (em restaurantes, por exemplo) percebe-se nitidamente que elas acabam se separando “por cor”, algumas mesas só com brancos, outras apenas com negros.

PS: Uma das formas de ganhar dinheiro com o blog são com as comissões.  Na sua próxima viagem, compre por esses links, que eu ganho comissão mas você paga a mesma coisa! Se você acha que o blog te ajuda de alguma forma, não custa nada comprar através desse links confiáveis! Muito obrigada 😊

SOBRE MIM

Priscila Kamoi é formada em Administração e Marketing pela Baldwin Wallace University. Trabalhou durante 7 anos no mundo corporativo e após câncer, largou a carreira corporativa para ter uma vida com mais propósito, liberdade e felicidade. Viu o blog como uma forma de unir tudo o que ama: viajar, ler, escrever, fotografar, moda, comer, culturas e pessoas. Já teve seu olhar por 29 países até agora e possui mais de 80 roteiros de viagens.Viajante, empreendedora e nômade digital por opção SAIBA MAIS

Conheça:

Acompanhe o blog no Facebook  / Instagram / Vídeos no Youtube Blog Jornada